segunda-feira, 10 de novembro de 2008

UNE PARTIE DE CAMPAGNE

“Ela teve uma revolta furiosa e, para evitá-lo, arrojou-se de costas; mas ele lançou-se sobre seu corpo, cobrindo-a completamente. Por muito tempo ele perseguiu aquela boca que o evitava, até encontrá-la e juntá-la à sua. Então, tomada de um enorme desejo, ela lhe entregou seu beijo, estreitando-se junto ao peito, e toda a sua resistência cedeu como que esmagada por um peso excessivo”

Guy de Maupasant.

Essa cena belíssima foi realizada no cinema por Sylvia Bataille em 1936 no filme Une Partie de Campagne de Jean Renoir baseado na novela de Maupassant.

Sylvia se tornaria mais tarde esposa de Jacques Lacan.
video

Um comentário:

Raquel Ferreira disse...

MARA! Foi o último bju que a coitada recebeu ou deu, pois o futuro marido, meu filho...